Cesar Millan – Bulldog Inglês

Na Rede TV – Encantador de Cães

participação do Canil Duas Marias

Cesar Millan, com a participação dos filhotes de bulldog inglês do Canil Duas Marias.

Confira, nossa presença nas gravações na REDE TV com Jaqueline Sato.

 

O ENCANTADOR DE CÃES

Assim, o especialista em psicologia canina, Cesar Millan, aborda problemas enfrentados na relação entre cães e seus donos.

O Encantador de Cães, apresentado por Jacqueline Sato e protagonizado pelo especialista em psicologia canina, Cesar Millan.

Foram, exibidos 77 episódios, com duração de uma hora cada, e em um deles contou com a partidipação dos nossos Bulldogs.

Consequentemente, a atração abordou problemas reais enfrentados na relação entre cães e seus donos.

A cada episódio, Cesar Millan, mostrou que não são os cães, mas seus excêntricos donos, os que mais precisam de ajuda.

Tres indicações “Oscar da tevê”

Alem disso, as gravações aconteceram nas casas dos donos dos animais.

Mas, nos casos extremos, Cesar levava os cães ao seu Centro de Psicologia Canina.

Logo após, “O Encantador de Cães”,  recebeu três indicações ao Emmy Award, considerada o Oscar da tevê.

Em virtude, de ter sido distribuído para mais de 100 países e possui milhões de seguidores nas redes sociais.

Jaqueline ficou feliz!!

Jacqueline conta que ficou feliz com o convite para apresentar a atração.

-“Eu gosto muito de animais e, por isso, antes de ir para a área artística pensei em ser veterinária.

Em contrapartida, quando surgiu o projeto do programa, ela ficou muito feliz porque conseguiu unir duas áreas que ela amo muito”.

Cesar Millan

Antes de mais nada, Cesar Millan nasceu e foi criado em Culiacán, no México.

De tal forma, desde criança, Millan observava o comportamento animal.

Assim sendo, em especial dos cães, em outras palavras, seu grande sonho era transformar-se no maior treinador de cães do mundo.

Em principio, para atingir seu objetivo, mudou-se para os Estados Unidos.

Desse modo, começou a trabalhar em um pet shop, em San Diego.

Alén disso, em pouco tempo, Cesar destacou-se por sua habilidade em lidar com cães difíceis e passou a ser chamado para consultorias.

Revolvemos contar alguns segredos sobre o bulldog inglês.

Técnicas de referencia

Alguns desses clientes, entre eles Oprah Winfrey, Will Smith e Jada PinkettSmith, foram fundamentais para que seu talento fosse reconhecido e suas técnicas passassem a ser referência na reabilitação de cães problemáticos e treinamento de seus donos.

Cesar Millan também é fundador do Centro de Psicologia Canina, em Los Angeles, é autor de vários livros sobre o assunto e lançou DVDs com seus treinamentos.

O especialista é reconhecido mundialmente por seu trabalho e já foi premiado pela National Humane Society, a maior organização norte-americana de proteção aos animais, por reabilitar cães abandonados.

Na REDE TV

Jacqueline Sato apresentou o quadro Bichos, Câmera e Ação!, no programa O Encantador de Bichos, da Rede TV!

Na atração, a apresentadora mostrou diversos vídeos e fotos com vários animais em divertidas situações.

Onde nossos filhotes de Bulldog Inglês se fizeram presente.

Atriz Jacqueline Sato não imaginava que gravar “O Encantador de Cães’’, na Rede TV!, cercada por filhotes seria tão divertido.

Ela já enfrentou situações engraçadas, como quando um cão da raça pitbull desfez seu penteado durante o programa.

“Foi meio estranho na hora, mas é melhor do que apresentar sozinha.’’

A interação

A interação com os bichos é uma das apostas da atração, baseada em “Dog Whisperer’’, do canal a cabo Discovery, do treinador Cesar Millan.

Se gostar de animais é um quesito para comandar esse tipo de programa, Jacqueline Sato cumpriu a regra. Ela tem uma cachorra da raça akita, chamada Nikita, de dez anos.

“Quando saio com ela para passear, esqueço dos meus problemas e fico em paz. Não sei se conseguiria viver sem um bicho por perto’’, diz ela, que interpretou a personagem Bia, na trama de “Corações Feridos’’ (2012), no SBT.

Dicas importantes

Cesar Millan, dá dicas importantes, para você seguir, antes de pensar em ter um filhote de bulldog inglês.

Não se apaixone pela fofurice do bulldg e sim pela beleza interior.
É como entrar numa relação porque a pessoa é muito bonita. Vai dar em divórcio!

Além disso, você acha que seu  Bulldog inglês se negaria de dormir na sua cama.

O bulldog tem a ver com você

Uma pessoa que gosta de caminhadas enérgicas e trilhas provavelmente vai se dar bem outra raça.

Enquanto alguém que prefere passear sem pressa pode se dar melhor com o Bulldog Inglês.

Tenha em mente que a raça não é tudo. Cada cão nasce com um nível de energia – muito alto, alto, médio ou baixo.

Filhote precisa entender sobre regras e limites.

A mãe diz ao filhote de bulldog, quando é hora de ser amamentado.

Se não é hora, ela morde. Então, tem que se criar regras claras e respeitá-las.

Precisa entender sobre a psicologia canina.

Muitas pessoas cometem o erro de pensar em seu bulldog, como seres humanos com casacos de pêlos.

Os bulldogs têm necessidades e desejos diferentes dos nossos.

Eles interpretam o mundo de maneira diferente.

Para compreender a psicologia canina de um bulldog, é preciso entender essas diferenças e tratar seu bulldog como um cachorro!

Nesse meio tempo, saiba se piscina pode representar algum risco para seu Bulldog Inglês

Como ser um líder de matilha desde o início.

O treinamento que você faz nos primeiros meses da vida de um filhote de bulldog inglês é muito importante para um relacionamento bem sucedido nos próximos anos.

Filhote de bulldog, precisa de uma vida estruturada.

A partir do momento em que nasce, ele procura os limites e quer aprender o que deve e o que não deve fazer.

Algumas pessoas se sentem desconfortáveis em afirmar a autoridade sobre seu bulldog.

E vão dizer coisas como ‘meu bebê tem apenas dois meses de idade!

Como eu posso dar uma estrutura e regras para ele?

Mas os bulldogs, como todos os animais sociais, precisam de estrutura em suas vidas.

Eles precisam sentir um senso de direção e estabilidade.

Você foi ao pet shop e comprou um ursinho de pelúcia para o seu Bulldog. Chegou em casa e apresentou o ursinho para o seu gordo e ele não deu a mínima. O que fazer??

Fique atento.

Filhote de bulldog, não deve caminhar livremente pela casa quando você não estiver por perto.

Pelo menos até ele saber onde pode e não pode entrar e mexer.

Quando isso acontecer, deixe-o no local reservado a ele.

Bulldog não precisa de espaço (mas também não o deixe confinado), desde que o dono o faça se exercitar e gastar as energias.

Bulldog, é gordinho, fofinho e cheio de rugas, você vai adorar ter um filhote de Bulldog Inglês.

Reserve um espaço para o bulldog.

O bulldog, deve ter um espaço que seja só dele! Não muito grande, mas que seja confortável e aconchegante.

Canil Duas Marias/Mais Você

Posts Relacionados

Estamos Abertos!!

Estamos abertos com os devidos Cuidados!! Continuamos a cumprir com todas as nossas responsabilidades servindo os nossos clientes. O bem-estar dos nossos bulldogs, clientes e colaboradores

Continue lendo